Sejam bem-vindos ao KatherineLangford.com.br, a sua primeira fonte de informações brasileira sobre a atriz Katherine Langford, Fique a vontade para desfrutar de todo o conteúdo postado aqui, siga também o KLBR nas redes sociais e fique ainda mais informado. Agradecemos a visita e esperamos que volte sempre! Este é apenas um site feito de fãs para fãs, sem fins lucrativos.


Fonte: Cultured Vultures

Eu sentei e conversei com o escritor/diretor Brian Duffield sobre seu novo filme ‘Spontaneous’. Duffield, conhecido por seu trabalho como roteirista em filmes como ‘Ameaça Profunda’, ‘Insurgente’ e ‘The Babysitter’, entrega um conto sombriamente engraçado com o qual o público irá se identificar enquanto tentam navegar no clima incerto da atualidade. No filme, veteranos do ensino médio encontram-se explodindo espontaneamente (daí surge o título do filme), sem nenhuma explicação do que estaria causando isto e como parar.

Enquanto eles lutam para sobreviver em um mundo em que cada momento pode ser o ´¨ltimo, um romance inesperado aflora entre Mara (Katherine Langford) e Dylan (Charlie Plummer), que descobriu que quando o amanhã não é mais prometido, eles finalmente podem começar a viver o presente.

‘Spontaneous’ é sua estreia na direção. Me conte sobre o destaque das gravações como diretor de primeira viagem. Quais foram os doces altos ou os baixos absolutos?
Naturalmente, trabalhar com os atores, trabalhar com Katherine, Charlie, Hayley, Rob, Piper, Chelah, Yvonne… É uma lista muito longa de pessoas. Eles me fizeram parecer bom. (Nós rimos) Algumas das pessoas mais adoráveis de se trabalhar com – este aspecto foi o mais divertido. Especialmente a Katherine, porque ela está em todas as cenas, minha valorização dela aumentou, tanto como uma parte criativa no filme quando como alguém que trabalhou comigo. A Katherine foi muito especial, alguém que eu realmente estimo. Também, trabalhar com todo o sangue e todas as coisas de ação, foi realmente emocionante finalmente ter chance de criar algumas coisas no set divertidas de ação.

(…)

‘Spontaneous’ envolve alguns veteranos do ensino médio que espontaneamente exploderm. Isto é um conceito para dificuldades com a saúde mental, a volatilidade de ser novo, ou ele serve para refletir as maiores incertezas da vida?
Eu acho que você acertou em cheio. Katherine, Charlie, Hayley e eu falamos muito sobre nos certificar de que todas as emoções do filme dessem certo, e ainda deram certo se você falasse sobre combustão espontânea e substituir com – Deus que me perdoe – um vírus, ou algo tão ruim, um evento traumático que as pessoas vivenciam, as emoções do filme e o que a personagem da Katherine vivencia ainda seria autêntica e real. Nós falamos sobre o quão é meio que tipo ‘A Culpa é Das Estrelas’, mas ao invés de as pessoas terem câncer elas estão explodindo.



Layout criado e desenvolvido por Lannie.D - Hosted by flaunt
Alguns direitos reservados